Ah! O Guia do Mochileiro das Galáxias! Vamos falar sobre ele. =]

Essa semana peguei para reler o 4ª livro da "trilogia de 5 livros de Douglas Adams".

São eles:



- O Guia do Mochileiro das Galáxias;
- O Restaurante no Fim do Universo;
- A Vida, o Universo e Tudo Mais;
- Até mais, e Obrigado pelos Peixes; (Esse que eu estou terminando hoje! Meu preferido! =D)
- Praticamente Inofensiva.

"O livro conta a história de Arthur Dent, um típico inglês que, num dia que pode ser considerado tudo menos típico, descobre não só que Ford Prefect, um de seus melhores e únicos amigos, é um extra-terrestre, mas também que a Terra está prestes a ser destruída pelos Vogons (uma raça alienígena extremamente burocrática e mal-vista em toda a Galáxia) para dar espaço a uma nova via intergaláctica."
by Wikipedia

Mas a final, o que é o Guia!? Segundo ele mesmo:

Mais popular que a Enciclopédia Celestial do Lar, mais vendido que Mais Cinquenta e Três Coisas para se Fazer em Gravidade 0, e mais polêmico que a colossal trilogia filosófica de Oolonn Colluphid, Onde Deus Errou, Mais Alguns Erros de Deus e Quem é Esse Tal de Deus Afinal?

A partir desse pretexto, Douglas Adams passa a contar a história de vida desse inglês. Originalmente era O Guia era um programa de radio criado em 1978, depois virou os livros, teve uma série de TV nos anos 80 na BBC de Londres e por fim em 2005 um filme.


Douglas Adams nasceu em 1952 e morreu em 2001, por conta de um ataque cardíaco.

Ou não.

Fãs fiés aos seus livros dizem que ele simplesmente saiu da Terra, e está viajando pelo espaço, descobrindo novas galáxias para escrever um novo livro. E quando estiver cansado de tudo isso, ele voltará e dirá qual a Pergunta da resposta fundamental da Vida, do Universo e Tudo Mais.

E em cada livro, O Guia vai nos dando certas explicações de como funcionam ou como são as coisas.

Segundo o Guia, a Terra nada mais é do que um Supercomputador que foi criado para descobrir essa pergunta, que um outro computador disse a resposta. Que é.... 42.

Não acredita em mim!? Até o Google sabe que isso é verdade!
Olha só:

A resposta da Vida, do Universo e Tudo Mais

O Guia ainda traz personagens bastante exêntricos como Marvin, o Androide Paranoico.

Marvin tem um "cérebro" do tamanho de um planeta, cujo QI é pelo menos 30 bilhões de vezes maior que o de um ser humano. Entretanto, as funções para a quais é designado são das mais banais (como abrir portas, escoltar visitantes e sentar a um canto de uma sala e ser ignorado por todos). Essas tarefas tão absurdamente simples para seu intelecto superior resultam no PHG do andróide uma profunda e prolongada depressão, além de um sentimento de completo desprezo pela vida.


Também traz conceitos que podem mudar sua vida com relação a muitas coisas. Como por exemplo: uma Toalha!

Eis o que o Guia nos diz sobre uma Toalha:

A toalha é um dos objetos mais úteis para um mochileiro interestelar. Em parte devido a seu valor prático: você pode usar a toalha como agasalho quando atravessar as frias luas de Beta de Jagla; pode deitar-se sobre ela nas reluzentes praias de areia marmórea de Santragino V, respirando os inebriantes vapores marítimos; você pode dormir debaixo dela sob as estrelas que brilham avermelhadas no mundo desértico de Kakrafoon; pode usa-la como vela para descer numa minijangada as águas lentas e pesadas do rio Moth; pode umedecê-la e utilizá-la para lutar em um combate corpo a corpo; enrolá-la em torno da cabeça para proteger-se de emanações tóxicas ou para evitar o olhar da Terrível Besta Voraz de Traal (animal estonteantemente burro, que acha que, se você não pode vê-lo, ele também não pode ver você - estúpido feito uma anta, mas muito, muito voraz); você pode agitar a toalha em situações de emergência para pedir socorro; e naturalmente pode usá-la para enxugar-se com ela se ainda estiver razoalvemente limpa.

Em alguns lugares do mundo, pessoas comemoram o Dia da Toalha no dia 25 de Maio, em homenagem a Douglas. O dia 25 de Maio de 2001 foi o dia em que foi feita a primeira homenagem. Depois discutiu-se sobre a possibilidade de alterar o dia para 42 dias após a data de falecimento, devido a outro detalhe da saga, que afirma que a resposta para questão fundamental da vida, o universo e tudo mais seria 42. De todo modo, acabou continuando a data da primeira comemoração, 25 de Maio. A data é lembrada pelos fãs que carregam uma toalha durante do dia inteiro com eles. Alguns usam como uma capa, outros como um turbante, enfim cada um usa a toalha como deseja, desde que esteja consigo a toalha.

O Guia também nos diz que não somos a raça mais inteligente da Terra. Somos a terceira. Os segundos são os Golfinhos. E isso é muito bem explicado logo no começo do filme:



Quer saber quem é a primeira raça mais inteligente da Terra?

Leia o livro.
Ou veja o filme, seu preguiçoso. Mas já aviso que ele não é tão bom quanto o livro! =]

Tenho certeza que você fará uma ótima viagem com eles!

E não esqueça sua Toalha!

2 comentários:

Tio disse...

vc não carrega a toalha somente nos dias 25/05 pq eu to ligado!

hahaahha

arroxo!

Fábio disse...

Ainda não li nenhum livro.
um dia leio.
Quando aprender a ler